Solta o grito, torcedor! O tricolor voltou

por Leandro Aragão

Solta o grito, torcedor! Bahia vence o CRB e conquista o acesso à Série A do Brasileirão

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Solta o grito, torcedor! O Bahia está de volta à elite do futebol brasileiro. Na noite deste domingo (6), o Tricolor conquistou o acesso ao vencer o CRB por 2 a 1, no Rei Pelé, pela 38ª e última rodada da Série B. Daniel e Lucas Mugni marcaram os gols do time baiano, enquanto Emerson Negueba descontou para os donos da casa.

Com o triunfo, o Esquadrão de Aço chegou aos 62 pontos e terminou a competição na terceira colocação da tabela de classificação. Enquanto o Galo de Alagoas permanece com 50 a caiu para a 11ª posição

O JOGO

Precisando do resultado para conquistar o acesso, a primeira ação foi do Bahia. Ricardo Goulart sofreu a falta, Daniel levantou a bola na área na cobrança e o goleiro Vitor Caetano saiu de soco para afastar o perigo, mas também acertou o companheiro Wellington Carvalho. O zagueiro levou a pior e precisou de atendimento. A bola voltou a rolar, mas não deu para o zagueiro do Galo alagoano e Diego Ivo entrou no seu lugar.

Aos 12 minutos, o Tricolor criou uma chance mais aguda. Caio Vidal foi lançado na área, mas o zagueiro do CRB conseguiu fazer o desarme. Daniel ficou com o rebote, mas chutou nas redes do lado de fora. No minuto seguinte, o camisa 20 não teve tranquilidade para inaugurar o marcador. Ele recebeu boa enfiada e ficou de cara para o gol, mas finalizou em cima de Vitor Caetano. Aos 15, o Tricolor criou outra oportunidade, mas Vitor Jacaré bateu colocado em cima de Reginaldo. A resposta do Galo alagoano veio em seguida com Fabinho, que bateu buscando o canto direito de Claus, mas a bola foi para fora.

O Bahia balançou as redes aos 22 minutos com Vitor Jacaré. Lançamento para Caio Vidal, que ajeitou de peito para o camisa 29 tocar no canto da meta alagoana. Mas a arbitragem assinalou impedimento do homem da assistência e invalidou o gol.

Daniel abre o placar para o Bahia
O Bahia inaugurou o placar com Daniel aos 25 minutos. Após cobrança de escanteio de Jacaré, o goleiro Vitor Caetano saiu de soco e o camisa 10 aproveitou rebote batendo de primeira e estufando as redes. CRB 0x1 Bahia

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Aos 30, Mugni cobrou a falta direto, a bola passou por todo na grande área e saiu pelo lado direito da meta defendida por Vitor Caetano. Três minutos depois, o goleiro do CRB fez uma grande defesa evitando o gol de cabeça de Luiz Otávio que ampliaria o placar para o Tricolor.

O Tricolor criou boa oportunidade aos 44 minutos. Mugni cruzou rasteiro pela esquerda, mas ninguém do time baiano estava na área para aproveitar e a defesa alagoana afastou o perigo. O time baiano ainda desperdiçou um bom contra-ataque puxado por Caio Vidal, mas Jacaré acabou sendo desarmado por Juninho Valoura e o árbitro Ramon Abatti Abel encerrou a etapa inicial.

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Segundo tempo

O Bahia voltou dos vestiários com a mesma formação do primeiro tempo. Já o CRB voltou modificado, com Rafael Longuine entrando no lugar de David Braw.

Com a chuva forte que cai desde praticamente o início do jogo e, até o momento, sem dar trégua, o campo está encharcado e bastante difícil de jogar futebol. A bola não desliza bem no gramado, principalmente nos diversos pontos com poças.

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Emerson empata para o CRB
O CRB chegou ao empate com Emerson Negueba aos cinco minutos. Lançamento buscando Anselmo Ramon que tocou de calcanhar e ela passou por entre as pernas de Ignácio. Negueba chutou rasteiro, Mateus Claus falhou e ela morreu no fundo da meta do Tricolor. CRB 1×1 Bahia

Aos 15 minutos, Caio Vidal foi lançado e ia ganhando força, mas acabou derrubado por Diego Ivo. O camisa 20 do Tricolor sairia na cara do gol se não tivesse recebido a falta. Ramon Abatti Abel mostrou o cartão amarelo para o zagueiro. Mas após rever o lance no VAR, ele cancelou o amarelo e deu cartão vermelho para o atleta do CRB. Aos 19, o jogo recomeçou. Mugni cobrou a falta direto e obrigou Vitor Caetano a fazer a defesa desviando para escanteio. A resposta do Galo alagoano veio dois minutos depois. Emerson Negueba ganhou de André na corrida, invadiu a área e chutou para o gol. A bola bateu no rosto de Mateus Claus e foi para fora. Na cobrança de escanteio, o goleiro do Tricolor subiu para cortar, a bola ficou viva na área, mas Luiz Otávio afastou o perigo.

Mugni recoloca o Tricolor na frente
O Tricolor voltou a ficar na frente no placar com Lucas Mugni, cobrando pênalti, aos 34 minutos. O árbitro Ramon Abatti Abel marcou um pênalti de Anselmo Ramon em Vitor Jacaré aos 33. Na cobrança de falta, o atacante do clube alagoano acertou o atleta do Tricolor dentro da área. Além do pênalti, o juiz ainda expulsou o camisa 9 do CRB. O meia argentino pegou a bola e bateu alto no canto esquerdo, estufando as redes. CRB 1×2 Bahia

O CRB tentou responder com Rafael Longuine em cobrança de falta perigosa. Mas a bola saiu pelo lado esquerdo da trave de Mateus Claus.

FICHA TÉCNICA
CRB 1×2 Bahia
Série B – 38ª rodada
Local
: Rei Pelé, em Maceió
Data: 06/11/2022 (domingo)
Horário: 18h30
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Alex dos Santos e Thiaggo Americano Labes (ambos de SC)
VAR: Thiago Duarte Peixoto (SP)

Cartões amarelos: Yago, Emerson Negueba (CRB) / Ignácio, Patrick (Bahia)

Cartões vermelhos: Diego Ivo, Anselmo Ramon (CRB)

Gols: Daniel, Lucas Mugni (Bahia) / Emerson Negueba (CRB)

CRB: Vitor Caetano; Reginaldo, Matheus Mega, Wellington Carvalho (Diego Ivo) e Guilherme Romão; Yago, Juninho e David Braw (Rafael Longuine); Fabinho (Uillian Correia), Emerson Negueba (Gabriel Conceição) e Anselmo Ramon. Técnico: Daniel Barboza (interino).

Bahia: Mateus Claus; André (Gabriel Xavier), Ignácio, Luiz Otávio e Luiz Henrique; Patrick, Mugni e Daniel (Rezende); Caio Vidal (Rodallega), Jacaré (Copete) e Ricardo Goulart (Matheus Davó). Técnico: Eduardo Barroca.

Fonte – Bahia Notícias

Deixe uma resposta