Com Barradão lotado, Vitória vence Paysandu e entra de vez na briga pelo G-8 da Série C

A torcida compareceu em peso, e o Vitória não decepcionou. Neste domingo (17), diante de 26.491 pessoas, o Leão venceu o Paysandu por 1 a 0, pela 15ª rodada da Série C, e entrou de vez na briga pelo G-8 da competição. 

Neste exato momento, o Rubro-Negro é o oitavo colocado, com 21 pontos, mas necessariamente será ultrapassado por Manaus ou Volta Redonda, que se enfrentam nesta segunda (18), independentemente do resultado do confronto. Além disso, ainda pode perder posição para o São José, que visita o Confiança logo mais, às 18h. 

Diante do Papão, o Leão sofreu no primeiro tempo com o nervosismo. Na etapa final, porém, adiantou a marcação e aproveitou bem a chance que teve. Luidy foi o autor do gol que tirou o grito do peito do torcedor rubro-negro. 

O Vitória volta a campo no próximo domingo (24), contra o Ferroviário, fora de casa, às 17h, pela 16ª rodada da competição.

O JOGO 

O Vitória criou sua primeira chance aos 9 minutos de jogo. Após cruzamento de Lazaroni, Luidy pegou de primeira, de voleio, e a bola subiu demais.

 

O Paysandu respondeu aos 14. Toscano recebeu bom passe de Robinho dentro da área e chutou forte. Dalton estava bem posicionado para espalmar.

 

O Leão voltou assustar somente aos 35. Eduardo pegou a sobra na entrada da grande área e chutou forte. A bola pegou o efeito contrário do gol e saiu pela linha de fundo.

 

Aos 37, Luidy cruzou na área, Tréllez desviou de cabeça e a bola bateu no braço de Bruno Leonardo. Os jogadores do Leão reclamaram, mas o juiz apontou apenas escanteio.

 

O primeiro tempo terminou com uma chance de ouro para o Leão, mas que não foi aproveitada. Após novo cruzamento de Luidy, a bola sobrou limpa para Rafinha chutar. O artilheiro rubro-negro deu um toque a mais e perdeu a bola.

Segundo tempo

O Vitória começou a etapa final pressionando. Logo no primeiro minuto, Eduardo subiu entre os zagueiros e cabeceou forte após cruzamento, para a defesa de Thiago Coelho. No entanto, o impedimento já estava marcado.

A resposta veio aos 14 minutos. Marcelo Toscano recebeu bom cruzamento de Igor Carvalho na área, desviou de cabeça, e a bola passou raspando o travessão de Dalton.

Grito da torcida

Logo na sequência, Lazaroni arrancou pela esquerda, descolou alçou a bola na área e Luidy tentou de voleio com muito perigo. No tiro de meta, o Papão saiu jogando errado, o Vitória roubou a bola e Eduardo ajeitou com categoria para o próprio Luidy abrir o placar. Ela ainda bateu na trave antes de entrar. A torcida foi à loucura.

Jogadores abraçamm Luidy após gol; torcida comemora no Barradão | Foto: Enaldo Pinto / Ag. Haack / Bahia Notícias

O Papão quase empatou aos 25. Serginho arriscou de fora da área um chute forte e Dalton caiu para fazer a defesa.

O cenário ficou ainda melhor para o Vitória aos 34 minutos. Menos de um minuto depois de entrar, o zagueiro Marcão acertou um tapa no rosto de Dionísio e foi expulso de forma direta pelo árbitro.

O placar só não foi ampliado aos 37 por causa de um milagre de Thiago Coelho. Após cruzamento na área, Tréllez cabeceou no ângulo direito do goleiro do Papão, que voou para espalmar. Na sobra, Rafinha chutou de esquerda, mas o zagueiro do Paysandu chegou de carrinho e mandou para escanteio.

O Papão, apesar de ter um a menos, chegou aos 40 minutos, com Douglas. Em bola levantada na área, o jogador acertou um bonito voleio, que parou nas mãos de Dalton.

No lance seguinte, Rafinha fez boa jogada pela esquerda, cortou para o meio e arriscou de fora. Thiago Coelho caiu para fazer nova defesa.

O Leão ainda teve uma última chance aos 49. Lazaroni encontrou Roberto na área e o atacante se esticou todo para tocar na bola, quase colocando para dentro.

Torcida compareceu em peso no Barradão | Foto: Enaldo Pinto / Ag. Haack / Bahia Notícias

Torcedores comemoram bastante o resultado | Foto: Enaldo Pinto / Ag. Haack / Bahia Notícias

FICHA TÉCNICA
Vitória 1 x 0 Paysandu
Série C – 15ª rodada
Local:
 Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 17/07/2022 (domingo)
Horário: 16h
Árbitro: Salim Fende Chavez (SP)
Assistentes: Leonardo Tadeu Pedro e Leandro Matos Feitosa (ambos de SP)
Cartões amarelos: Luidy, Léo Gomes e Dalton / Patrick Brey (Paysandu)
Cartões vermelhos: Marcão (Paysandu)
Gols: Luidy (Vitória) / João Vieira (Paysandu)

Vitória: Dalton; Alemão, Alan Santos, Marco Antônio (Ewerton Páscoa) e Lazaroni; Dionísio, Léo Gomes e Eduardo (Gabriel Honório); Rafinha (Roberto), Luidy (João Pedro) e Tréllez (Dinei). Técnico: João Burse.

Paysandu: Thiago Coelho; Igor Carvalho, Bruno Leonardo (Marcão), Douglas e Patrick Brey (João Paulo); João Vieira, Wesley (Gabriel Davis) e Serginho; Robinho (Pipico), Marlon e Marcelo Toscano (Alessandro Vinícius). Técnico: Márcio Fernandes.

Deixe uma resposta