Amanheça o dia bem informado

A semana começou com a Procuradoria-Geral da República instaurando um procedimento preliminar para apurar o ato de manifestantes que dispararam fogos de artifício em direção ao Supremo Tribunal Federal (STF). O homem que derrubou cruzes na praia de Copacabana durante ato em memória de vítimas do novo coronavírus na praia de Copacabana disse que “não resistiu”. O Brasil agora conta 43.389 mortos e 867.882 mil casos confirmados de Covid-19.

Ataque com fogos ao STF

A Procuradoria-Geral da República instaurou neste domingo (14) um procedimento preliminar para apurar o ato de manifestantes que, na noite de sábado (13), dispararam fogos de artifício em direção ao Supremo Tribunal Federal (STF), em Brasília.

A investigação atende a um pedido do presidente do STF, Dias Toffoli, que solicitou ainda que Renan da Silva Sena, apoiador do presidente Jair Bolsonaro, seja responsabilizado “por ataques e ameaças à Instituição deste Supremo Tribunal Federal e ao Estado Democrático de Direito.”

Grupo lança fogos de artifício na direção do prédio do STF

Grupo lança fogos de artifício na direção do prédio do STF

Aposentado que derrubou cruzes em ato por vítimas da Covid-19

O aposentado de 78 anos Héquel da Cunha Osório disse que “não resistiu” sobre ter derrubado cruzes na praia de Copacabana, na última quinta-feira (11), durante um ato pelas vítimas do novo coronavírus no Brasil. O ato da ONG Rio de Paz fez 100 covas rasas e colocou 100 cruzes nas areias de Copacabana, simbolizando as mais de 40 mil vítimas do novo coronavírus no Brasil.

Mensagem em grupo de Whatsapp é atribuída a homem que derrubou cruzes em Copacabana — Foto: Reprodução/TV Globo

Mensagem em grupo de Whatsapp é atribuída a homem que derrubou cruzes em Copacabana — Foto: Reprodução/TV Globo

Brasil conta mais de 43 mil mortos

Brasil tem 598 mortes por coronavírus em 24 horas. Já são 43.389 no total. Levantamento feito por jornalistas de G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL junto às secretarias estaduais de Saúde mostra ainda que país já tem 867.882 casos confirmados.

Brasil chega a 43.389 óbitos por Covid-19, diz consórcio de veículos de imprensa

Brasil chega a 43.389 óbitos por Covid-19, diz consórcio de veículos de imprensa

Deflação

Abril e maio registraram recuo no índice que mede a alta nos preços – e a inflação caminha para ficar abaixo da meta do governo.

Doação de yakisobas no Rio

O projeto de um fotógrafo que registrava pessoas em situações de rua durante a pandemia do novo coronavírus motivou doações de comida oriental por um restaurante e uma corrente de solidariedade no Rio.

Cadu Andrade, de 25 anos, conta que tudo começou com o projeto “Ruas Vazias”, bem no início das medidas de isolamento social, há quase três meses. A ideia era capturar imagens da cidade do Rio de um jeito diferente, com todas as mudanças que estavam acontecendo. Mas, logo, o foco passou para as pessoas que vivem na rua, que de uma hora para a outra se viram mais sozinhas do que nunca.

“Mexeu muito comigo. Eu comecei a ir para a rua só para registrar isso”, diz Cadu.

Pessoa em situação de rua recebe yakisoba e outras doações  — Foto: Cadu Andrade/Divulgação

Pessoa em situação de rua recebe yakisoba e outras doações — Foto: Cadu Andrade/Divulgação

Funk consciente

Nova geração de MCs deixa de lado versos sobre ‘sentar e quicar’ e sobe nas paradas com músicas emotivas sobre vida na favela, com toque religioso e moto como símbolo de superação.

Treze das cem músicas mais tocadas no YouTube no Brasil entre 29 de maio e 4 de junho no Brasil são dessa nova leva emotiva do funk consciente. “Sou vitorioso” chegou ao 6º lugar nacional nas vozes de Lele JP e de Neguinho do Kaxeta, veterano da geração anterior do “consciente” de SP.

Previsão do tempo

Previsão de chuva forte em Alagoas e Pernambuco

Deixe uma resposta